Domingo, 26 Dezembro 2010 12:14    PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Para quê fingirem o que não são?
Avaliação: / 0
FracoBom 

http://cache.daylife.com/imageserve/0camgEY2EkcjG/610x.jpg

 


http://lh3.ggpht.com/_SA3SXvvCpnw/TQj9duioE6I/AAAAAAAABfM/HltvUmYUFks/s512/Gera%C3%A7%C3%B5es1.jpg

http://vila-de-colos.blogspot.com/2010/12/geracoes-meados-dos-anos-80.html

Em cima, da esquerda para a direita: Padre Horta, Natália, Vanda, ?, Luis Fonseca
Ao meio: Mila, Freira, Hélder Candeias, Geninha, Fatinha, Maria Inês, D.Júlia, Petinha, Antonieta
Em Baixo: Fé, Nelson, Cláudia, Carlos Filipe, João Valério (Curruco), Miguel Ângelo, Nuno Piteira, Paulo Pacheco


 

 

Sexta-feira, Dezembro 24, 2010

Para quê fingirem o que não são?

A minha mãe era católica praticante. Nalguns momentos chegou a ser militante mesmo. O meu pai sempre foi agnóstico. Lembro-me de uma vez o padre Horta, em Colos, ter ido pedir um contributo à minha casa (sabendo que a minha mãe não diria que não) e que, sabendo o meu pai relutante, disse: "mas a Igreja também é sua".... Respondeu o meu pai, com o humor que o caracterizava, "ah, se tenho lá parte, vendo-a já...". E eu fiz-me desta coexistência que se respeitava. Um agnóstico, uma católica com dois dedos de testa. A minha mãe chegou-me a dizer que não achava piada nenhuma a quem, não sendo católico, comemorava as datas religiosas. "Para quê fingirem o que não são?", dizia.  Para ela o pior era a hipocrisia. O fingir que se era não se sendo. Eu digo o mesmo: raramente vejo tanta hipocrisia como nestes dias do Natal. Pelos discursos, pelas atitudes. Por isso: pela hipocrisia. Acho que quem é católico, ou cristão, deve comemorar em total liberdade e com total respeito o dia do alegado nascimento daquele que dizem ser o seu Salvador. Mas quem não é cristão, nem acredita em nada da religião nos 365 dias que tem o ano,  andar com os sentimentos à flor da pele porque  é NATAL, quase dá vontade de sorrir. De despeito, de tristeza, sei lá do quê. Ver comunistas, ateus, agnósticos, gente pintalgada disto e daquilo a comemorar o Natal é coisa que me espanta. E que não me comove a mim (parafraseando o Vitorino das cantigas), que me  comovo  por tudo e por nada.

 

 

1 comentários:

Peleja disse...

Desculpem mas se me permitem gostava de partilhar um pensamento que publiquei à dias. Se acharem que não faz sentido, apaguem.

por António Manuel Fonseca Peleja a Quarta-feira, 22 de Dezembro de 2010 às 17:39

NATAL É

Hipocrisia camuflada
De beijos e abraços
Vestida de vermelho
Com a morte nos braços

Nas vielas da vida
Morre-se e mata-se
Nas casas com lareiras
Aquecidas pelos gemidos
Das crianças com fome
Enchem-se barrigas de farturas
Lambe-se o melaço dos dias amargos
E mais um natal passou

Passou e o Sr. De tal e coisa
Ofereceu abraços, mentiras e enganos
Recheados de beijos amargos
E olhares envenenados

Natal é amanhã
Mas também podia ser hoje
Natal é hipocrisia escondida
Natal é nunca ter o que se quer
Natal é só dar um dia



Natal é o quê? Pergunto eu
Perguntas tu, menino de rua
Com a fome brilhando no olhar
Perguntas tu, mulher violentada
Agredida, mal tratada
Perguntas tu que escondes a fome dos teus
Com um sorriso no coração e de mão escondida

Natal é o quê? Pergunto eu
Perguntamos todos os que se interrogam
porque não há simplesmente um DIA?
que serão todos os DIAS
em que todos nos olhamos nos olhos
sorrimos e choramos sem medos
e de mãos dadas atravessamos
este deserto da vida
com um brilhozinho nos olhos
de igual modo todas as cores
credos ou religiões até ao abismo
que a morte nos espera de braços abertos
sem distinções ela é justa
aos seus olhos somos todos iguais

Apetecia-me dedicar este pensamento a todos os desprotegidos do mundo, mas eles não têm internet, eles não têm tempo para ler estas palavras, eles não sabem ler, eles não precisam de palavras, eles precisam de actos, eles precisam de nós.
Por isso dedico este pensamento a todos vocês que chegaram até aqui, e não esqueçam as mudanças começam dentro de nós.

António Peleja

 

http://acincotons.blogspot.com/2010/12/para-que-fingirem-o-que-nao-sao.html

http://img2.photographersdirect.com/img/21621/wm/pd1401179.jpg



Tags: que  não  com  natal  para  por  quê  nos  eles  todos  minha  mas  hipocrisia  ser  dias  quem  fingirem  total  dia  são  
 

Your are currently browsing this site with Internet Explorer 6 (IE6).

Your current web browser must be updated to version 7 of Internet Explorer (IE7) to take advantage of all of template's capabilities.

Why should I upgrade to Internet Explorer 7? Microsoft has redesigned Internet Explorer from the ground up, with better security, new capabilities, and a whole new interface. Many changes resulted from the feedback of millions of users who tested prerelease versions of the new browser. The most compelling reason to upgrade is the improved security. The Internet of today is not the Internet of five years ago. There are dangers that simply didn't exist back in 2001, when Internet Explorer 6 was released to the world. Internet Explorer 7 makes surfing the web fundamentally safer by offering greater protection against viruses, spyware, and other online risks.

Get free downloads for Internet Explorer 7, including recommended updates as they become available. To download Internet Explorer 7 in the language of your choice, please visit the Internet Explorer 7 worldwide page.