Quarta, 30 Novembro 2011 20:19    PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Doente de Odemira recebe monitorização cardíaca
Avaliação: / 0
FracoBom 

Novo método de monitorização cardíaca disponível no Hospital de Beja

30/11/2011 - 15:22

O Hospital de Beja tem agora disponível um novo método de monitorização cardíaca à distância que permite uma avaliação remota tanto do funcionamento de aparelhos cardíacos implantados como do estado clínico do doente. LATITUDE® é o nome deste sistema que promete melhorar a vida dos doentes alentejanos com insuficiência cardíaca e facilitar o trabalho dos especialistas médicos desta região. No dia 5 de Dezembro vai ser entregue a um doente de Odemira o primeiro aparelho disponibilizado por aquele hospital, avança a unidade hospitalar, em comunicado enviado ao RCM Pharma.

O LATITUDE® permite que o doente se sinta mais tranquilo, pois sabe que o seu estado de saúde está a ser permanentemente acompanhado, o que se revela especialmente importante para os doentes alentejanos das localidades mais afastadas das capitais de distrito, que muitas vezes precisam de deslocar-se aos hospitais distritais para fazer os exames frequentes que a insuficiência cardíaca exige.


O sistema é composto por uma unidade domiciliar de fácil utilização (o comunicador), que utiliza uma tecnologia sem fios para recolher os dados transmitidos pelo aparelho e de sensores externos: balança para avaliar o peso corporal e monitor de pressão, para avaliar a pressão arterial.


Estes dados são colhidos pelo comunicador diariamente (ou em intervalos programados de acordo com o tipo de dados) e transmitidos telefonicamente para um servidor seguro que grava a informação e disponibiliza-a continuamente aos médicos cardiologistas através da internet.


Luís Moura Duarte, médico cardiologista no Hospital de Beja, sublinha que este novo método de monitorização vem trazer inúmeras melhorias na forma de tratar a insuficiência cardíaca. O especialista afirma que o sistema LATITUDE® “permite ao médico assistente avaliar o estado do doente à distância e intervir mais rapidamente se necessário, o que, no caso de doentes com insuficiência cardíaca pode fazer toda a diferença. Graças a este sistema inovador, o Hospital de Beja vai tornar-se líder da monitorização à distância de doentes com insuficiência cardíaca no Alentejo”.


A insuficiência cardíaca é uma doença grave em que a quantidade de sangue que o coração bombeia por minuto é insuficiente para satisfazer as necessidades de oxigénio e de nutrientes do organismo.


Calcula-se que 20% das pessoas, quer homens, quer mulheres, estão em risco de desenvolver insuficiência cardíaca ao longo da vida. O aumento constante da prevalência da patologia é, na verdade, uma consequência do tratamento das doenças cardiovasculares agudas e do aumento da esperança média de vida. Na Europa morrem por ano, devido à patologia, perto de 300 mil pessoas.

rcmpharma



Tags: que  cardíaca  para  insuficiência  monitorização  hospital  beja  doente  uma  sistema  das  por  método  novo  com  doentes  latitude  vida  avaliar  dados  
 

Your are currently browsing this site with Internet Explorer 6 (IE6).

Your current web browser must be updated to version 7 of Internet Explorer (IE7) to take advantage of all of template's capabilities.

Why should I upgrade to Internet Explorer 7? Microsoft has redesigned Internet Explorer from the ground up, with better security, new capabilities, and a whole new interface. Many changes resulted from the feedback of millions of users who tested prerelease versions of the new browser. The most compelling reason to upgrade is the improved security. The Internet of today is not the Internet of five years ago. There are dangers that simply didn't exist back in 2001, when Internet Explorer 6 was released to the world. Internet Explorer 7 makes surfing the web fundamentally safer by offering greater protection against viruses, spyware, and other online risks.

Get free downloads for Internet Explorer 7, including recommended updates as they become available. To download Internet Explorer 7 in the language of your choice, please visit the Internet Explorer 7 worldwide page.