Domingo, 15 Janeiro 2012 20:24    PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Maternidade de Beja pode encerrar
Avaliação: / 0
FracoBom 

POSSÍVEL ENCERRAMENTO DE MATERNIDADE EM BEJA PODE LEVAR À INAUGURAÇÃO DE VOOS DE CEGONHA DESDE PARIS

Os rumores de que a Maternidade de Beja pode encerrar por realizar menos de 1500 partos por ano estão a causar grande consternação na região e nos empresários da indústria do Lamaze. Bombeiros de Barrancos e Odemira já começaram a ter formação para realizar partos dentro de ambulâncias a caminho de Évora, com destaque para os módulos “A utilização de forceps numa Ford Transit de 1992” ou “A cesariana nas estradas da Serra da Adiça”. Do mesmo modo, já se começaram a recrutar cegonhas para efetuar voos desde Paris, os quais, segundo apurámos, são muito mal encarados pelos habitantes da região, mas são vistos com bons olhos pela deputada Inês de Medeiros.

Texto publicado na página Não confirmo, nem desminto do Diário do Alentejo

maisbolos


SERVIÇO NACIONAL DE SAÚDE

Há mais de dez hospitais com menos de 1500 partos/ano

por Lusa08 Novembro 2011


Mais de uma dezena de unidades hospitalares do Serviço Nacional de Saúde (SNS) registam menos de 1.500 partos por ano, limite abaixo do qual o ministro da Saúde diz que não deveriam funcionar.

Os mais recentes dados da Direcção Geral da Saúde (DGS), referentes a 2009, indicam que há 13 unidades com menos de 1.500 partos/ano. No Norte, estas unidades são o Centro Hospitalar de Póvoa do Varizm/Vila do Conde (com 1.213 partos/ano) e o Centro Hospitalar do Nordeste (com 607). Na zona Centro há outras quatro unidades: Unidade Local de Saúde de Castelo Branco (473 partos), Centro Hospitalar da Cova da Beira (594), Unidade Local de Saúde da Guarda (690) e Centro Hospitalar Oeste Norte (1.369).

Já na região de Lisboa e Vale do Tejo são quatro os hospitais com menos de 1500 partos por ano: Centro Hospitalar de Torres Vedras (1.071 partos), Hospital Reynaldo dos Santos (1.164), Centro Hospitalar do Médio Tejo (1075) e o Hospital de Cascais, em regime de parceira público-privada (1.110). No Alentejo tinham, em 2009, menos de 1.500 partos todas as três estruturas: Hospital Espírito Santo (1.342), Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo (1.228) e Unidade do Norte Alentejo (413).

Já no Algarve, as duas unidades do SNS com partos registam mais de 1.500 intervenções por ano. Hoje, o ministro da Saúde afirmou que as maternidades que registam menos de 1.500 partos por ano não deveriam estar a funcionar, admitindo o encerramento e a fusão destas unidades. "As maternidades que tiverem menos de 1.500 partos por ano, de acordo com os indicadores da organização Mundial de Saúde, não deveriam estar a funcionar", sublinhou Paulo Macedo. O governante adiantou que "poderá haver aqueles [encerramentos] que se justificarem", acrescentando que "terá que se fazer o que for melhor e, mais uma vez, aquilo que os impostos dos portugueses possam suportar".

dn




Tags: partos  que  ano  saúde  com  menos  por  centro  unidades  hospitalar  mais  beja  alentejo  não  são  pode    maternidade  unidade  norte  
 

Your are currently browsing this site with Internet Explorer 6 (IE6).

Your current web browser must be updated to version 7 of Internet Explorer (IE7) to take advantage of all of template's capabilities.

Why should I upgrade to Internet Explorer 7? Microsoft has redesigned Internet Explorer from the ground up, with better security, new capabilities, and a whole new interface. Many changes resulted from the feedback of millions of users who tested prerelease versions of the new browser. The most compelling reason to upgrade is the improved security. The Internet of today is not the Internet of five years ago. There are dangers that simply didn't exist back in 2001, when Internet Explorer 6 was released to the world. Internet Explorer 7 makes surfing the web fundamentally safer by offering greater protection against viruses, spyware, and other online risks.

Get free downloads for Internet Explorer 7, including recommended updates as they become available. To download Internet Explorer 7 in the language of your choice, please visit the Internet Explorer 7 worldwide page.