Quarta, 16 Abril 2014 12:25    PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Autarcas do Alentejo querem “compromisso” do Governo para ferrovia até Espanha
Avaliação: / 0
FracoBom 

Autarcas do Alentejo querem “compromisso” do Governo para ferrovia até Espanha

ARTIGO | 

O presidente da Comunidade Intermunicipal do Alentejo Litoral, Vítor Proença, exigiu hoje do Governo um “compromisso” quanto à construção da ferrovia de mercadorias entre Sines e Caia (Elvas), na fronteira com Espanha, anunciando o calendário e o traçado.
“Tem de haver um compromisso do Governo quanto a esta prioridade, porque está em causa o futuro e a competitividade do Porto de Sines”, afirmou à agência Lusa Vítor Proença, que lidera a comunidade intermunicipal (CIMAL) e é também presidente da Câmara Municipal de Alcácer do Sal.
O executivo PSD/CDS-PP divulgou hoje o Plano Estratégico de Transportes e Infraestruturas 3+, que prevê um investimento superior a 2.600 milhões de euros no setor ferroviário, o que representa mais de 43% do total anunciado (cerca de 6.000 milhões de euros).
Segundo o presidente da CIMAL, está contemplada a construção do troço entre Évora e Caia, contudo, o documento é “omisso” em relação ao traçado entre Sines e Grândola.
“Os municípios defendem o aproveitamento do ramal de Ermidas-Sado”, disse o autarca, lembrando que, antes de este projeto ser suspenso, Santiago do Cacém e Grândola estavam contra “o traçado que passava entre o litoral e a serra de Grândola”.
A proposta apresentada pela Refer, empresa que gere as linhas de caminho-de-ferro portuguesas, “espatifava completamente o acesso entre Santiago do Cacém e Vila Nova de Santo André”, além de passar “a cerca de 200 metros do Hospital do Litoral Alentejano”, esclareceu.
O líder da CIMAL, que reúne os concelhos de Alcácer do Sal, Odemira, Santiago do Cacém, Sines e Grândola, reiterou a exigência de que o Governo defina “publicamente” a data de início das obras, o calendário dos trabalhos e o traçado da ligação ferroviária.
Quanto à reabilitação do IC33 entre Relvas Verdes e Grândola, Vítor Proença considerou que o executivo deve “definir quais são as intenções exatas” para esta obra.
Para o representante dos autarcas do Alentejo Litoral, “é muito importante a ligação em perfil de autoestrada até ao nó de Grândola Norte da Autoestrada do Sul”.
Mas, defendeu Vítor Proença, “continua a ser muito importante a continuação da A26 até Beja”, um investimento que não está previsto pelo Governo, “mas devia estar”.
A propósito da ferrovia de mercadorias entre Sines e Caia, junto à fronteira com Espanha, a Câmara de Elvas também já se pronunciou, congratulando-se por o Plano Estratégico de Transportes e Infraestruturas 3+ contemplar o avanço de “um dos projetos infraestruturantes mais importantes para o desenvolvimento do concelho”.

jornaldamadeira



Tags: que  entre  governo  para  grândola  sines  espanha  alentejo  compromisso  ferrovia  até  proença  autarcas  traçado  litoral  vítor  caia  está  cimal  querem  
Actualizado em ( Quarta, 16 Abril 2014 12:27 )
 

Your are currently browsing this site with Internet Explorer 6 (IE6).

Your current web browser must be updated to version 7 of Internet Explorer (IE7) to take advantage of all of template's capabilities.

Why should I upgrade to Internet Explorer 7? Microsoft has redesigned Internet Explorer from the ground up, with better security, new capabilities, and a whole new interface. Many changes resulted from the feedback of millions of users who tested prerelease versions of the new browser. The most compelling reason to upgrade is the improved security. The Internet of today is not the Internet of five years ago. There are dangers that simply didn't exist back in 2001, when Internet Explorer 6 was released to the world. Internet Explorer 7 makes surfing the web fundamentally safer by offering greater protection against viruses, spyware, and other online risks.

Get free downloads for Internet Explorer 7, including recommended updates as they become available. To download Internet Explorer 7 in the language of your choice, please visit the Internet Explorer 7 worldwide page.