Sexta, 20 Junho 2014 11:27    PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Alunos de Odemira preferem Universidade do Algarve para cursos de Verão
Avaliação: / 1
FracoBom 

Alunos de Odemira preferem Universidade do Algarve para cursos de Verão

POR  ? 20 DE JUNHO DE 2014 ? 09:00 COMENTAR

 

Os cursos de Verão da Universidade do Algarve vão contar, este ano, com duas novidades: em primeiro lugar, haverá alojamento para parte dos inscritos, nas residências universitárias, depois haverá um contingente alargado de alunos do concelho de Odemira.

O alojamento, que este ano é oferecido pela primeira vez, permite que alunos de fora do Algarve ou das zonas mais periféricas da região possam inscrever-se nos cursos, que decorrem em dois períodos, de 30 de junho a 4 de julho e de 7 a 11 de julho.

Mas, para este ano, o alojamento já está esgotado. Há já mais de centena e meia de inscritos nos cursos e restam apenas vagas – e poucas – em regime normal, sem alojamento e apenas na parte da manhã, tendo as inscrições sido prolongadas mais uma semana, até domingo próximo, dia 22 de junho.

A outra novidade tem a ver com a participação, pela primeira vez, de um grupo de 36 alunos do Secundário, vindos de três escolas do concelho baixo-alentejano de Odemira, cuja inscrição é paga pela Câmara Municipal de Odemira, um dos organismos públicos que patrocina estes cursos de Verão da UAlg.

Até este ano, a autarquia odemirense costumava enviar os alunos do concelho para a Universidade do Porto, mas agora trocou-a pela do Algarve. Porquê? Hélder Guerreiro, vice-presidente da Câmara de Odemira e responsável pelo pelouro da Educação, explicou, em declarações ao Sul Informação: «sobretudo por questões associadas à proximidade e porque este ano a Universidade do Algarve introduziu a modalidade de curso e alojamento».

O autarca acrescentou que «tivemos também em conta que a Universidade do Algarve apresenta a mesma ou melhor qualidade de oferta formativa, além de que é mais vantajosa para os nossos jovens, porque estarão mais próximos de casa. É diferente dizer aos pais que os seus filhos vão para o Porto ou que vão para Faro».

Por outro lado, salientou o vice-presidente da Câmara de Odemira, «para nós, também é uma oportunidade», já que «o tipo de ofertas de cursos» da UAlg interessa mais ao concelho do Litoral Alentejano. «Parece-nos que a UAlg tem uma oferta mais adequada de cursos ligados às atividades âncora do nosso município – agricultura, floresta, mar e turismo».

O objetivo da Câmara de Odemira tem sido «apostar na qualificação dos nossos recursos humanos». Além de patrocinar os cursos de Verão, que se destinam a ajudar os jovens estudantes do Secundário a descobrir a sua vocação futura, a autarquia tem um intenso programa de bolsas de estudo, nomeadamente para apoiar os alunos no seu percurso no Ensino Superior. «Temos condições para oferecer bolsas a 100% dos alunos do nosso concelho que encaixem nos critérios de atribuição», frisou ainda Hélder Guerreiro.

Que tipo de alunos se costumam inscrever?

Os cursos de Verão da Universidade do Algarve são destinados a alunos do ensino secundário e do ensino profissional, entre os 14 e os 18 anos de idade, com percursos escolares pautados pelo bom desempenho.

«Nas edições anteriores, em virtude de não oferecermos a possibilidade de alojamento, os participantes provinham maioritariamente da região do Algarve. Na presente edição de 2014, com a possibilidade de ficarem alojados em residências universitárias, verificou-se um interessante aumento de inscrições de alunos provenientes de todas as regiões do país. A título de exemplo, temos inscrições de alunos oriundos de locais tão distintos como Lisboa, Leiria, Fátima, Amadora, Sátão, Odemira, Estoril, Sacavém, Chamusca, Lourinhã… e claro, de todos os concelhos do Algarve», revelou ao Sul Informação André Botelheiro, coordenador do Gabinete de Comunicação da Universidade do Algarve.

Os cursos de Verão da UALg destinam-se a alunos do ensino secundário e têm como principal objetivo promover o conhecimento em diversas áreas de ensino e investigação desenvolvidas nesta universidade.

«Ao mesmo tempo, permite ajudar os alunos no processo de escolha vocacional do seu percurso no ensino superior. Esta iniciativa possibilita ainda aos estudantes do ensino secundário a vivência de uma experiência em contexto universitário, nos campi da UAlg, e o contacto com alunos e docentes desta instituição, proporcionando, assim, uma experiência diferente e única a todos os participantes», acrescentou André Botelheiro.

Um dos atrativos é que, além dos cursos em si, os jovens inscritos irão desenvolver atividades desportivas e lúdicas, tais como rugby, voleibol, futebol de praia, surf, canoagem, golf, Stand Up Paddle, bodyboard, visitas ao centro histórico de Faro e ao teatro… «Ou seja, as manhãs serão ocupadas em atividades letivas e as tardes a usufruir das condições únicas existentes em Faro para uma vida saudável e ativa», disse ainda o coordenador do Gabinete de Comunicação.

Cursos promovem «ensino superior como a escolha certa para o futuro dos jovens»

Serão estes cursos uma forma de atrair alunos para a Universidade do Algarve? «Antes de mais, ao organizar estes Cursos de Verão, a UAlg pretende promover o ensino superior como a escolha certa para o futuro dos jovens que se encontram no ensino secundário. Acreditamos que, ao terem contacto com os nossos docentes, os nossos alunos, as excelentes condições disponíveis, tanto de salas de aulas como de laboratórios, bibliotecas, residências, cantinas, bem como de toda a envolvência dos três campi universitários de Faro, com muita probabilidade estes jovens quererão voltar à UAlg, mas já na qualidade de alunos do ensino superior».

Aliás, acrescentou aquele responsável, esta iniciativa insere-se num conjunto mais vasto de atividades desenvolvidas ao longo de todo o ano letivo, que visam proporcionar experiências marcantes para os alunos do ensino básico e secundário.

Exemplo disso é o “Dia Aberto” (este ano com mais de 1.500 participantes provenientes de escolas de todo o sul do país), ou as palestras da “Equipa Ualg”, nas quais, sob o lema a “Universidade vai à Escola”, «a equipa UAlg oferece às escolas do Algarve mais de 100 temas que podem ser desenvolvidos, gratuita e voluntariamente, pelos nossos docentes em sala de aula das escolas básicas ou secundárias». Este ano realizaram-se mais de 90 palestras beneficiando desta ação cerca de 5.000 alunos.

Outro exemplo é a participação nas principais mostras do ensino superior português (Futuralia, na FIL, e Qualifica, na Exponor) com «atividades reveladoras do elevado nível de desenvolvimento científico e tecnológico dos projetos dos nossos alunos, nomeadamente o Projeto snooker – PoolLiveAid».

Por último, o road-show com visitas a todas as escolas secundárias do Algarve e a feiras de orientação vocacional no Algarve, Lisboa e Porto, ou a organização do I Encontro de Psicólogos dos serviços de Orientação do Sul (em que participaram mais de 40 psicólogos).

«Daí que, sob a égide de uma nova sub-marca criada recentemente, que designamos por “UAlg Experience”, procuramos fomentar experiências positivas para os designados alunos “sub-18”, de modo a estreitar relações entre o ensino superior e os ensinos básico e secundário, proporcionar a alunos e docentes das escolas básicas e secundárias um conhecimento aprofundado em áreas científicas diversificas e, especialmente, sensibilizar para a importância do ingresso no ensino superior português», salientou André Botelheiro.

Quais os cursos que costumam atrair mais alunos?

Quanto aos cursos que costumam atrair mais alunos, o coordenador do Gabinete de Comunicação da Ualg revelou, nas suas declarações ao nosso jornal, que «os cursos relacionados com as áreas da Saúde, em regra, têm muita procura, para mais foram pioneiros na organização deste tipo de oferta. Mas na generalidade, todos os cursos oferecidos registam uma interessante procura».

Este ano, a UAlg propõe 17 cursos distintos, sendo que destes oito são novidade. Ou seja, durante as semanas de 30 de junho a 4 de julho e de 7 a 11 de julho serão realizados um total de 22 cursos. (ver mais em:https://www.ualg.pt/home/pt/content/cursos-datas-realizacao Wink.

E será que os alunos que frequentam os cursos de Verão depois se inscrevem na universidade algarvia? «Pela experiência de edições anteriores, verifica-se que este tipo de cursos influencia, de forma decisiva, os alunos pela continuidade do seu percurso escolar no ensino superior, tanto quanto à área de estudo, como quanto à instituição em que virão a ingressar».

Além da Câmara Municipal de Odemira, que patrocina a inscrição de 36 alunos provenientes de três escolas deste concelho, a UAlg conta com o apoio, nestes seus cursos de Verão, da Câmara Municipal de Faro e da Associação Académica, para a realização desta edição, sobretudo, no que toca à organização e dinamização das atividades desportivas e lúdicas.

Mas há mais autarquias interessadas, para mais agora que há a possibilidade de alojamento. «Na verdade, já fomos contactados por mais municípios, de diversas regiões, que mostraram o seu interesse em inscrever alunos dos respetivos concelhos. Atendendo ao número de vagas ainda disponíveis, será pouco provável conseguir dar-lhes resposta este ano. No próximo ano, porém, levaremos em conta as solicitações, de modo a encontrar espaço para acolher mais alunos, por via de protocolos com Câmaras Municipais», concluiu André Botelheiro.



Tags: que  alunos  cursos  para  mais  algarve  ensino  universidade  ualg  com  dos  odemira  ano  verão  este  uma  superior  como  secundário  alojamento  
 

Your are currently browsing this site with Internet Explorer 6 (IE6).

Your current web browser must be updated to version 7 of Internet Explorer (IE7) to take advantage of all of template's capabilities.

Why should I upgrade to Internet Explorer 7? Microsoft has redesigned Internet Explorer from the ground up, with better security, new capabilities, and a whole new interface. Many changes resulted from the feedback of millions of users who tested prerelease versions of the new browser. The most compelling reason to upgrade is the improved security. The Internet of today is not the Internet of five years ago. There are dangers that simply didn't exist back in 2001, when Internet Explorer 6 was released to the world. Internet Explorer 7 makes surfing the web fundamentally safer by offering greater protection against viruses, spyware, and other online risks.

Get free downloads for Internet Explorer 7, including recommended updates as they become available. To download Internet Explorer 7 in the language of your choice, please visit the Internet Explorer 7 worldwide page.